COMPARTILHAR

Após a adoção da prática na Holanda e nos Estados Unidos, o Canadá lança seu primeiro supermercadoque vende verduras, legumes e hortaliças cultivados localmente, mais especificamente no telhado do empreendimento. A prática, além de aproveitar melhor o espaço urbano, reduz a emissão de carbono, uma que vez dispensa a necessidade de transporte desses alimentos.

Batizado de IGA Extra Famille Duchemin, o supermercado possui uma horta de 7,6 quilômetros – capaz de produzir 30 diferentes tipos de alimentos, como tomate, alface, rabanete, couve, berinjela e manjericão.

A iniciativa surgiu da Lei de Toronto, que obriga todos os novos terraços urbanos da cidade a serem verdes. O espaço, que já era certificado pelo selo LEED Gold, decidiu aderir à nova moda também. Segundo Richard Duchemin, sócio-proprietário da rede, em entrevista para o Ottawa Citizen, a iniciativa foi vista como uma verdadeira oportunidade.

Aliás, os benefícios são muitos: o verde no telhado ajuda a regular a temperatura no interior do supermercado, poupando energia elétrica, produz alimentos frescos que são comercializados aos clientes e gera lucro ao supermercado. “As vendas estão aumentando. As pessoas estão realmente interessadas em comprar localmente”, explica Duchemin.

O local também se tornou um verdadeiro paraíso para pássaros e abelhas, o que ajuda na preservação da fauna urbana.

Curtiu? Veja no vídeo abaixo algumas imagens da iniciativa!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira um comentário
Por favor, insira seu nome